Matheus Santana garantiu sua participação na Olimpíada Rio 2016 no revezamento 4×100 m livre. Após as duas seletivas, o carioca entra com o tempo de 48s71 obtido no Open de Palhoça (SC), em dezembro de 2015. Na prova dos 100 m livre do Troféu Maria Lenk, disputada nesta segunda-feira (18), no Parque Olímpico, o atleta da Unisanta fez 48s80 e se juntou a Marcelo Chierighini (48s20), Nicolas Oliveira (48s30) e João de Lucca (48s59) no time do revezamento. Apesar de ter a vaga para sua primeira olimpíada, Matheus esperava nadar mais rápido. “A sensação é de ter mais pra dar, não saiu o tempo que eu gostaria (casa dos 47s), mas, ao mesmo tempo, estou feliz por estar completando o revezamento. Enfim, agora é analisar o que deu de errado, o que deu certo também e ir para a Olimpíada garantir uma medalha. Vou continuar treinando forte para ajudar o Brasil”, disse.

A competição, que vai definir o time olímpico para a modalidade, começou para Matheus no sábado (16), quando nadou os 200 m livre em 01min56s17. A passagem nos primeiros metros animou o atleta. O carioca de 20 anos ainda compete a prova dos 50 m livre, na quarta-feira (20). O nadador está balizado com o tempo de 22s17, o quarto melhor da prova e abaixo do índice (22s27). É importante lembrar que os dois primeiros se classificam para os Jogos.

Matheus Santana tem 20 anos e representa a Universidade Santa Cecília-Unisanta. Campeão Olímpico da Juventude em 2014, o nadador fez parte do time campeão Pan-Americano de 2015 e do time finalista no Mundial de Kazan, na prova do revezamento 4×100 m livre. O atleta tem os patrocínios da Embratel, Claro, Correios e RP4.